Empréstimo SEBRAE – Como Fazer Empréstimo No SEBRAE?

Empréstimo SEBRAE

Muitos microempreendedores ou donos de pequenos negócios passam por dificuldades financeiras, principalmente no início, onde há necessidade de investimentos em estrutura, fornecedores e funcionários para que a empresa comece a render bons lucros.

 

 

Tópicos:

  • Programa Nacional de Microcrédito;
  • Quais são as vantagens do empréstimo para micro empresa SEBRAE;
  • Documentos necessários e onde realizar o empréstimo;
  • Programa Juro Zero Empreendedor;
  • Vantagens do programa Juro Zero empreendedor;
  • Conclusão.

 

 

É nessa hora que os empréstimos são procurados com mais frequência, pois este pode ser o incentivo para que a organização seja capaz de crescer.  Existem muitas instituições que promovem programas de incentivos ao pequeno ou médio empresário, como o SEBRAE.

 

 

Em conjunto com o governo federal, o SEBRAE divulgou a criação do “Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado” ou o PNMPO e o programa “Juro Zero Empreendedor.”

 

 

Empréstimo SEBRAE – Programa Nacional De Microcrédito

O programa é voltado para microempreendedores, tanto pessoas físicas ou jurídicas e os MEI’s. As condições para a solicitação do empréstimo são:

 

 

  • Ser microempresário seja individual ou com funcionários. O programa atende todos que possuem atividades empreendedoras, mesmo que não haja abertura de pessoa jurídica. Autônomos, donos de comércios e pessoas que exercem atividades em casa podem se beneficiar do projeto.

 

 

  • Não ter lucros acima de R$10.000 mensais ou R$ 120.000 por ano. Essa condição é intrínseca ao programa e obrigatória para realizar mesmo empréstimo pequeno. Isso porque ele foi criado exatamente para atender empresários de porte inicial.

 

 

Quais São As Vantagens Do Empréstimo Para Micro Empresa SEBRAE?

 

 

Taxas De Juros Menores

Por ser um programa de incentivo, as taxas de juros é relativamente menor, o que traz mais vantagens ao microempreendedor que está no início e precisa investir em infraestrutura e contratação de novos funcionários. Além disso, o prazo de pagamento costuma ser maior do que os créditos tradicionais, chegando até a 24 meses.

 

 

Facilidade De Crédito

Para microempresários e profissionais autônomos, o crédito é liberado mais rapidamente, dada a necessidade de urgência nesses casos. É uma boa notícia para quem precisa ampliar o negócio ou quitar dívidas mais emergenciais.

 

 

Documentos Necessários E Onde Realizar O Empréstimo

Para realizar o empréstimo, basta ir a um dos bancos participantes, munido de RG, CPF, documentação da empresa e planejamento de solicitação. As instituições são:

 

 

  • Banco do Brasil;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Banco do Nordeste;
  • Banco da Amazônia;
  • Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES).

 

 

O empreendedor deve procurar a agência mais próxima de sua sede e solicitar o empréstimo dentro dos valores estipulados.

 

 

Programa Juro Zero Empreendedor

O programa Juro Zero Empreendedor é uma iniciativa do Governo do Estado anunciada este ano para incentivo para novos empreendedores, que precisam de crédito para ampliar as atividades dos seus negócios. Os pré-requisitos para participação são:

 

 

  • Faturar até R$ 60.000 por ano ou R$ 5.000 por mês. Este programa é voltado apenas para micro-empresas, ou os chamados MEI, que possuem rendimentos mais baixos.

 

  • O microempresário deve ter finalizado o curso Super Mei do SEBRAE-SP.

 

  • O empréstimo deve ser voltado para as atividades da empresa, como para comprar equipamentos, acessórios para veículos, veículos utilitários, motocicletas, ciclomotores, ferramentas para trabalho e capital de giro.

 

 

Empréstimo SEBRAE – Vantagens Do Programa Juro Zero Empreendedor

A grande vantagem deste programa, obviamente, é o fato dos juros ao empreendedor individual serem totalmente nulos, como uma forma de incentivo aos novos negócios e ajuda para que eles possam se firmar no mercado.

 

 

Os valores variam entre R$1000,00 e R$ 20000,00, que é o limite máximo de empréstimo. Diferente das outras modalidades é necessário que haja um relatório de onde este dinheiro será empregado, não sendo possível contratá-lo para fins pessoais. Os empresários precisam ter sido aprovados pelo curso super MEI do SEBRAE.

 

 

Apesar de não haver juros nas parcelas, a multa por atraso pode chegar a 12%, por isso é importante que os valores sejam bem avaliados pela equipe financeira da empresa.

 

 

Conclusão

O empréstimo SEBRAE para micro empresa é uma ação que visa trazer ao país mais empreendedores e novos negócios que precisam de incentivo financeiro para se estabelecer no mercado.

 

 

De forma geral, o crédito precisa ser usado com prudência, para não haver endividamento e problemas futuros, gerando falência. Um planejamento para descobrir se as parcelas cabem no orçamento do negócio se torna essencial nesses casos. Consulte o gerente do seu banco e verifique qual opção é mais viável.