Como Fazer Cartão De Crédito – Saiba Como Fazer Cartão!

Como Fazer Cartão De Crédito: O cartão de crédito está presente na vida da maioria da população brasileira. Para você ter uma noção, no último estudo feito pela Associação Brasileira das empresas de cartões de crédito e serviços (Abecs)…

 

 

Tópicos:

  • Como Fazer Cartão
  • Mas, por que é tão difícil fazer cartão de crédito…
  • Sua vida não passou no teste
  • A sua renda não está acima do limite
  • Simplesmente o banco não te quer
  • Qual a documentação necessária para fazer um cartão de crédito?
  • Dúvidas frequentes sobre o cartão de crédito?

 

 

Cerca de 700 milhões de cartões estavam em “circulação” por todo o país em 2013, ou seja, esse número já deve ter passado do primeiro bilhão, não tenha dúvidas disso, mas, infelizmente, esse é o estudo mais atual feito pela Asbec, então, não tem como comprovar.

 

 

Mas o que eu quero te mostrar é que naquela época, em média, cada brasileiro possuía 3 cartões e isso é muita coisa, em minha opinião, muito ruim, mas essa discussão fica para outro artigo.

 

 

Como Fazer Cartão De Crédito

Com 700 milhões nas mãos da população, deve ser bem fácil fazer cartão de crédito, não é? Errado! Uma pesquisa feita pela própria AsbecDiz que 80% dos pedidos para fazer um cartão de crédito são recusados, ou seja, esses 7 milhões representam os 20% que conseguiram fazer um cartão, acho que agora a especulação pode ser comprovada.

 

 

Mas, por que é tão difícil fazer cartão de crédito em um país que está em nono lugar do mundo (ranking dos países que mais fazem uso dos cartões de crédito)?

Existem diversos motivos, porém, aqui eu vou citar os mais recorrentes:

 

 

Sua vida não passou no teste

O que isso quer dizer? Nome no SPC e no Serasa, se você for um mau pagador, vive se endividando e sem necessidade, tudo isso vai contar para que o banco não aprove a sua proposta e você não receba o seu cartão.

 

 

Lembrando que uma mesma situação pode variar de banco para banco, ou seja, um banco pode te aceitar mesmo você tendo um nome no SPC, enquanto outro vai querer você longe. Se esse não é o seu problema, vamos para o próximo motivo.

 

 

A sua renda não está acima do limite

Todo banco tem um limite para cada tipo de cartão de crédito, um limite mínimo de renda. Essa lista limite não é divulgada, mas foi feita, basicamente, com esse pensamento:

 

 

Se você recebe pouco, não vai receber um cartão com um alto limite de crédito por que não vai conseguir pagar, se você recebe muito, vai poder receber um cartão com alto limite de crédito. Se essa também não é a sua situação, vamos tentar o próximo motivo.

 

 

Simplesmente o banco não te quer

Você paga tudo em dia, gasta menos do que recebe, poupa, resumindo, você tem uma educação financeira. Mas você também tem uma renda e um perfil parecido com o de um antigo cliente que acabou se descontrolando.

 

 

E não conseguindo pagar as suas dívidas, o que vai acontecer? O banco não vai querer pagar pra ver e vai rejeitar o seu pedido por causa do antigo cliente.

 

 

Qual a documentação necessária para fazer um cartão de crédito?

Basicamente posso dividir essa etapa em duas partes: A primeira parte é o preenchimento da proposta, onde colocarão diversos dados, inclusive os pessoais. A segunda parte é enviar os documentos necessários para a instituição. Esses documentos irão variar de banco para banco, mas tem alguns documentos que são comuns a todos:

 

 

  • CPF;
  • Carteira de Identidade;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de renda.

 

 

Dúvidas frequentes sobre o cartão de crédito?

 

 

Quais são as taxas (encargos) que podem incidir no cartão de crédito?

R: Juros de mora (1%), Multa moratória (2%) mais as taxas contratuais.

 

 

O Comerciante pode exigir uma diferença de valor no pagamento feito com o cartão?

R: Não, o pagamento com o cartão é como o pagamento à vista.

 

 

Quais são as opções de pagamento da fatura do cartão de crédito?

 

 

  1. Opção: Pagamento do valor total da fatura até a data do vencimento.

 

  1. Opção: O consumidor paga o valor do pagamento mínimo e faz o uso do crédito rotativo e assim é como se ele estivesse financiando o saldo da diferença verificada entre o valor total da fatura e o valor que foi pago.

 

  1. Opção: Pagar um valor maior do que o mínimo, mas menor do que o total.